Ar-condicionado automotivo, funcionamento e estratégias do sistema de injeção


 

Entenda de forma simples e didática como o ar-condicionado automotivo (AC) funciona, quais os componentes do sistema e qual central (unidade de comando) que controla. Aproveite também o eBook em PDF, totalmente grátis, com o manual completo do ar-condicionado e arrefecimento do Ford New Fiesta.

“Por que a rotação de marcha lenta aumenta e o eletroventilador do sistema de arrefecimento liga quando acionamos o ar-condicionado? E qual central controla o sistema de AC?”

Um inscrito no canal do YouTube da Doutor-IE fez essa pergunta. Você ainda não se inscreveu? Clique aqui e recebe os vídeos em primeira mão.

Antes de responder essas perguntas é necessário que você tenha um conhecimento básico sobre sistema de ar-condicionado.

Funcionamento do AC automotivo

No mercado existem diversos sistemas com variações nos componentes e para facilitar vamos demonstrar um sistema com filtro secador, válvula expansora e o compressor do AC tocado pela correia de acessórios.

A partir do momento que é feita a solicitação do sistema de ar-condicionado, a central eletrônica responsável pelo controle manda acoplar a embreagem do compressor de AC. Nesse momento o gás refrigerante é comprimido pelo compressor, fazendo a temperatura do gás aumentar.

O gás comprimido segue pela tubulação do sistema de ar condicionado até o condensador, onde ele é resfriado, fazendo o gás refrigerante virar líquido. A partir desse momento, ainda sob pressão o agora líquido refrigerante passa por um processo de filtragem e desumidificação no filtro secador.

Na próxima etapa, o líquido refrigerante parte para a válvula expansora, podendo ser do tipo block ou comum, onde o líquido terá sua pressão reduzida drasticamente. Esse processo fará com que o líquido refrigerante seja transformado em gás, dentro da evaporadora.

Durante a evaporação, o líquido refrigerante rouba calor do meio ao redor, ou seja, a evaporadora fica com temperatura baixa e resfria o ar que o ventilador da caixa de ar manda para o interior do veículo.

Depois disso, o fluído refrigerante volta em direção ao compressor do ar-condicionado para um novo ciclo.

Após essa explicação básica sobre o sistema de ar-condicionado podemos responder às perguntas do usuário.

 

1) Por que a rotação de marcha lenta aumenta quando acionamos o ar-condicionado?

O causador do aumento da rotação de marcha lenta é o compressor de ar-condicionado.

Com o motor em funcionamento e a embreagem do compressor acoplada, a rotação do motor é transferida pela correia de acessórios até os componentes internos do compressor de AC, que começam a comprimir o fluido refrigerante. Essa compressão demanda torque, ou seja, freia o motor. Em alguns casos se o motor estiver em marcha lenta a rotação cai e pode até levar o motor a morrer.

Para compensar essa demanda de torque exigida pelo compressor do AC algumas centrais de injeção, por estratégia, aumentam a rotação de marcha lenta.

 

2) Por que o eletroventilador do sistema de arrefecimento liga quando acionamos o ar-condicionado?

Em veículos que não possuem um eletroventilador próprio para o sistema de ar-condicionado, o eletroventilador do sistema de arrefecimento liga para ajudar a reduzir a temperatura do fluido refrigerante no condensador do ar-condicionado, permitindo o correto funcionamento do condensador, mesmo que não exista vento frontal.

 

3) Qual central controla o sistema de ar-condicionado?

Varia conforme o veículo e sistema, mas podemos destacar duas principais configurações:

  • A central de injeção controla o sistema de ar-condicionado.
  • Uma central à parte para controle do sistema de ar-condicionado, que pode, ou não, estar integrado ao painel de comandos.

Podem haver outras formas de controle do sistema de ar-condicionado, mas estas são as principais.

 

Manual de ar-condicionado para o reparador automotivo

O assinante da Enciclopédia Automotiva Doutor-IE Online pode conferir as particularidades de cada sistema acessando o manual de ar-condicionado e arrefecimento do motor.

Vamos utilizar o exemplo do Ford New Fiesta 1.6 16V ano 2016.

>> Baixar eBook grátis <<

Lá podem ser encontradas informações como:

  • Quantidade e especificação do óleo do compressor do AC e do gás refrigerante.
  • Localização e modelo do filtro de cabine.
  • Diagrama elétrico dos componentes envolvidos no funcionamento do sistema.

No diagrama elétrico podemos ver que o controle da embreagem do compressor do AC é feito com o auxílio da unidade de injeção eletrônica. Também é possível perceber que existe uma central do ar-condicionado integrado ao painel de comandos que controla a intensidade da ventilação no interior do veículo, além dos atuadores de controle de temperatura e direcionamento do ar.

 

Na Enciclopédia Automotiva Doutor-IE Online você acessa a informação pela internet, de qualquer lugar do Brasil, seja em BH, Curitiba, Porto Alegre, Campinas, Sorocaba, Goiânia, RJ, enfim... Diretamente na sua oficina.

Baixe gratuitamente o PDF com o manual completo de ar-condicionado e arrefecimento do motor do veículo Ford New Fiesta 1.6 16V TI-VCT FLEX 125/130CV.

Manual ar-condicionado e arrefecimento do motor
>> Baixe o manual completo em PDF <<

 


Se você quiser enviar uma pergunta, responda nos comentários aqui do blog ou do vídeo no Youtube com a hashtag #doutorieRESPONDE. A nossa equipe vai analisar as dúvidas e trazer as respostas nas próximos vídeos.

Você também pode utilizar o link abaixo para enviar sua dúvida:
https://material.doutorie.com.br/doutorieresponde

 

Quer ter acesso a mais conteúdos sobre ar-condicionado?
Conheça a Enciclopédia Automotiva Doutor-IE Online!